Rio Verde alcança Goiânia em mortes por H1N1 e registra Influenza B

vacinap

Cerca de 40% dos grupos prioritários ainda aguardam vacina na cidade

Apenas 60% das pessoas que compõem os grupos prioritários foram vacinadas até agora contra a Gripa A em Rio Verde. Das 38 mil vacinas aguardadas, somente 24 mil chegaram e já foram todas aplicadas na rede pública.

O município atravessa um surto endêmico há dois meses e confirmou quatro óbitos por H1N1, a mesma quantidade registrada em Goiânia. Já são 15 casos comprovados da doença e 51 ocorrências de SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) em Rio Verde este ano.

O Núcleo de Vigilância Epidemiológica confirmou ontem (4) o primeiro caso de Influenza B em Rio Verde. Outros 35 casos aguardam análises laboratoriais ou foram considerados não detectáveis. A Secretaria Estadual de Saúde reconheceu que o quadro no município pode ser considerado de epidemia.

Devido à falta de vacinas, o “Dia D” da campanha não foi realizado no último dia 30 em Rio Verde, assim como em vários outros municípios. O Ministério da Saúde deverá continuar fornecendo os lotes com as doses em etapas até o final de maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Aviso legal: Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo apresentado neste site é protegido pelas leis de proteção aos direitos autorais e outros.