Município pode decretar situação de emergência

Produção agrícola registra perda de 40% na segunda safra em Rio Verde

O Sindicato Rural de Rio Verde pediu nesta terça (26) que o prefeito Juraci Martins decrete situação de emergência no município em virtude das perdas na segunda safra de milho.

A projeção inicial do IBGE para o ano agrícola 2015/16 era de aproximadamente 25 milhões de sacas do grão, mas devido à estiagem prolongada a previsão agora é de apenas 14 milhões de sacas no município.

Conforme o vice-presidente do SRRV, Luciano Jaime Guimarães, a perda de 40% nas lavouras pode provocar grande dificuldade de abastecimento local, levando ao encarecimento da cesta básica e elevado nível de inadimplência do setor.

O prefeito prometeu analisar a situação. Caso a medida seja adotada, os produtores locais poderão garantir reparações legais quanto ao cumprimento de compromissos com compradores e bancos financiadores.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Aviso legal: Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo apresentado neste site é protegido pelas leis de proteção aos direitos autorais e outros.