Quase 90% dos focos de larvas dentro das casas e quintais

O mapeamento dos índices de infestação por Aedes Aegypt em Rio Verde mostra que mais de 86% dos criadouros positivos do mosquito foram encontrados dentro das casas e nos quintais. Já o restante foi encontrado em terrenos baldios.

Conforme o coordenador de Endemias do município, Jamilton Pimenta, o descuido de grande parte dos moradores nas suas próprias casas continua favorecendo a proliferação do mosquito.

“O cidadão não deve ficar esperando a visita de um agente. Ele mesmo deve agir para eliminar os focos. É só investir 10 minutos por semana”, alertou.

De janeiro até a última semana, foram notificados 704 casos de suspeita de dengue. O bairro Gameleira reúne a maioria dos casos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Aviso legal: Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo apresentado neste site é protegido pelas leis de proteção aos direitos autorais e outros.