Feira terá dia dedicado a ações ambientais

Espaço Ambiental: atividade substitui o Circuito Ambiental, realizado em edições anteriores

Palestras, apresentações, dinâmicas e demais atividades serão voltadas para orientar o público da necessidade de cuidados com recursos naturais e o meio ambiente 

Várias ações, projetos e atividades têm sido desenvolvidos no que diz respeito à preservação, melhoria e recuperação do meio ambiente para as presentes e as futuras gerações. São leis de mitigação de impactos e de prevenção a danos ambientais, tecnologias que passam a integrar a rotina no campo, técnicas e experimentos sustentáveis, entre outros.  E tudo isso não é diferente no meio rural. Essa postura é uma tendência que deve ser assumida pelos produtores rurais, buscando o atendimento à legislação e a adequação ambiental, além da adoção de boas práticas conservacionistas a fim de garantir a qualidade ambiental de suas atividades.

Consciente da importância de orientar o visitante, a TECNOSHOW COMIGO definiu, para a feira em 2016, 15 de abril como o ‘Dia do Meio Ambiente’. Nesta data, palestras, dinâmicas, apresentações e outras ações serão realizadas para alertar sobre a necessidade de recuperar, preservar e valorizar os recursos naturais. Segundo o engenheiro ambiental da Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais (COMIGO), Reginaldo Passos, o produtor tem percebido que a sociedade está cada vez mais exigente por produtos mais saudáveis, descarte correto de materiais, produção que não agride o meio ambiente, preservação dos recursos naturais, por isso a necessidade de sempre inserir o assunto nos debates com quem atua na agropecuária. “São premissas que não excluem o agronegócio, que exigem produtores rurais cada vez mais conscientes de sua responsabilidade ambiental”, afirma.

Parte das atividades

Espaço Ambiental – a atividade assume o lugar do Circuito Ambiental, realizado em edições anteriores da feira. A proposta é reunir em diferentes estações temas ambientais, permitindo aos visitantes acompanhar demonstrações de soluções, ferramentas, ações ou ideias do que pode ser aplicado nas propriedades para reduzir os impactos ambientais. Além de ver as estações, o visitante vai poder interagir com os instrutores, que estarão presentes demostrando o passo a passo de como construir as estações dentro das propriedades.

Distribuição de mudas – Serão 12 mil mudas de espécies nativas. A distribuição seguirá um formato diferente de anos anteriores da feira. As mudas serão entregues todos os dias do evento, porém o visitante vai ter que fazer um cadastro primeiro. Assim que estiver cadastrado irá receber uma senha para poder retirar as mudas. O sistema de distribuição será em forma de ramalhete e cada um vai conter 10 mudas. O visitante só poderá retirar um por dia. Tanto a central de cadastro e as mudas ficarão alocados dentro do bosque arbóreo no CTC.

Prêmio de Gestão Ambiental Rural COMIGO – será entregue no dia 15 de abril, às 10 horas, no auditório principal do CTC. A premiação visa reconhecer e destacar os cooperados dos municípios da área de atuação da COMIGO, que conseguiram, por meio da aplicação de práticas de conservação, preservação e defesa dos recursos naturais, promover a atividade agropecuária sustentável e em equilíbrio com a natureza em suas propriedades. As propriedades rurais inscritas passarão pela avaliação, em março, de agrônomos e técnicos auditores da COMIGO, que vão vistoriar diferentes aspectos da atividade agropecuária que podem causar impacto ao meio ambiente, assim como os aspectos legais exigidos pelos órgãos ambientais.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Aviso legal: Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo apresentado neste site é protegido pelas leis de proteção aos direitos autorais e outros.