A bola murcha de José Eliton

Nem o marketing pesado do governo e a campanha ostensiva na mídia conseguiram a sonhada popularidade do vice-governador. Um fracasso do garoto-propaganda do governo em 2018 pode comprometer eleição de Marconi ao Senado e chutar para longe o foro privilegiado do governador

 

Uma semana depois de classificar a candidatura de José Eliton (PSDB) de um “tiro pela culatra”, o presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, José Vitti (do mesmo partido), foi premiado com uma função de coordenação na pré-campanha do vice-governador.

Em entrevista ao jornal O Popular, José Vitti declarara que “Nem ele nem o governador vão insistir no projeto, se lá na frente não existir possibilidade de vitória.”

A avaliação do deputado da base aliada é de que o insucesso da candidatura de José Eliton coloca em risco a própria eleição do governador ao Senado.

Marconi deixará o mandato de governador em março para disputar a eleição, perdendo assim o foro privilegiado. Se não tiver sucesso nas urnas, o tucano – que responde por corrupção passiva no STJ –  poderá ser julgado na justiça comum.

Canoa furada

Não é a primeira vez que um aliado expõe a fragilidade de José Eliton para disputar a eleição para governador em outubro.

Vilmar Rocha (PSD) acaba de deixar a secretaria estadual de Meio Ambiente e Cidades após defender publicamente outros nomes do governo para a sucessão de Marconi.

Cupincha de Marconi, a senadora Lúcia Vânia (PSB) também já manifestou para quem quisesse ouvir a sua preocupação com a escolha de José Eliton como candidato. A parlamentar também quer discutir um “Plano B”  antes que seja tarde demais.

Garoto-propaganda

Transformado em garoto-propaganda por Marconi, José Eliton percorre centenas de cidades há mais de um ano com programas de assistencialismo. Apesar da campanha ostensiva, não conseguiu alavancar sua imagem nem relevância nas pesquisas de intenção de voto.

Depois de uma passagem nada convincente pela secretaria de Segurança Pública, marcada mais pelo apelo midiático do que por resultados, conquistou a antipatia dos servidores da área. (Veja o vídeo)

Peças de marketing viraram memes e piadas na internet
Peças de marketing viraram memes e piadas na internet

Antes disso, na tentativa de obter popularidade, o pupilo de Marconi teve passagem relâmpago pela presidência da Celg e precisou ser substituído às pressas da secretaria de Desenvolvimento Econômico e da secretaria de Agricultura.

Somada à indisfarçável fragilidade de José Eliton como candidato, paira sobre Marconi o arremate de um ciclo de 20 anos no poder em Goiás.

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Aviso legal: Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo apresentado neste site é protegido pelas leis de proteção aos direitos autorais e outros.