Karlos apóia aquilo que considerava “um desastre”

Saudado com foguetório por Juraci e Lissauer, Karlos chegou ao Módulo Esportivo ladeado por vereadores e deputados da base de Marconi (Foto: Facebook de Lissauer Vieira)

Ex-petista vira vice do candidato de Juraci dias depois de denunciar corrupção e incompetência na administração

O ex-deputado petista Karlos Cabral (PDT) surpreendeu o meio político ao subir neste sábado (30) na convenção do PSB como candidato a vice-prefeito de Rio Verde na chapa encabeçada pelo deputado estadual Lissauer Vieira (PSB) pela base do atual prefeito Juraci Martins (PPS).

Saudado com foguetório por Juraci e Lissauer no palanque, o até então crítico ferrenho da administração municipal e do governo estadual, chegou ao Módulo Esportivo cortejado por vereadores como Elecir Casagrande (SDD), deputados estaduais da base de Marconi Perillo (PSDB) e pela senadora tucana Lúcia Vânia.

Há apenas algumas semanas, Karlos tornava pública a sua desistência de participar pela terceira vez do processo eleitoral, declarando apoio à candidatura do médico Paulo do Vale (PMDB) à sucessão de Juraci.

Pelo Facebook, dissera no último dia 21 de março  que esta havia sido a forma encontrada por ele de “barrar o ciclo vicioso de poder instalado na administração” e classificava a gestão Juraci Martins de “um desastre administrativo”.

“Até a mãe”

Na mesma ocasião, dissera ainda que a cidade era um “retrato exato” da bandidagem, servidores massacrados, saúde em decadência e ações e mais ações do Ministério Público (MP-GO).

A carta assinada por Karlos Cabral alertava: “Um governo se entrega à corrupção antes mesmo de existir. A corrupção começa é justamente neste momento em que as chapas se formam e a ética, a honra, a alma e até a mãe são vendidos, se for preciso, para se obter o poder.”  Leiaaquinaíntegra

Justificativa

Karlos justificou que, apesar do apoio a Juraci, não vai “começar a dizer que a cidade está linda e maravilhosa”, mas ajudar o atual e o virtual próximo prefeito a corrigir os erros e a administrar a cidade.

Lissauer e Juraci, entretanto, garantiram que o projeto é de continuidade ao atual modelo. Eles asseguraram que, nos últimos dois mandatos de Juraci, a cidade vivenciou uma “revolução” no desenvolvimento social e econômico.

 

Erramos: Ao contrário do que foi afirmado anteriormente, a nota pública de Karlos Cabral no Facebook não foi apagada do seu perfil na rede social.

2 Comments

  • Juraci está provando do próprio veneno, antes de ser prefeito era tido como um sujeito simples, humilde e humano! Vencendo as eleições se mostrou arrogante prepotente e perseguidor, vai sair da política muitooooooo menor do que quando entrou, a vaidade tomou conta dele e do filho, que sem papas na língua brigou ofendeu muitas pessoas! lissauer não ganha isso é fato, votação vexatória, embora eu pense que ele não leva até o fim sua candidatura! Juraci pisou nos companheiros, ( Geraldinho, Rildo Mourão, Demilson Lima ) que o digam, quando seus oito anos frente ao executivo terminar vai voltar a vida normal, só que cheio de inimizades só que dessa vez não mais vai ter o escudo de prefeito o poder para se esconder, Karlos Cabral cometeu suicídio político, acabou perdeu a credibilidade, todo político está sujeito a perder eleição faz parte do jogo agora credibilidade não reconquista, quero ver qual o discurso dele? Pelo jeito vergonha ele não tem aprendeu direitinho com a cúpula do seu antigo partido. Que bom que Karlos se revelou logo agora ninguém mais vota nele por engano! Quero uma Rio Verde melhor, sem Juraci, voto 15.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Aviso legal: Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo apresentado neste site é protegido pelas leis de proteção aos direitos autorais e outros.