Padrinhos políticos influenciam eleições em Rio Verde

Como Marconi, Caiado e Juraci podem afetar a disputa eleitoral no município

 

A corrida eleitoral pela Prefeitura de Rio Verde este ano não se resume ao confronto direto entre os candidatos. A sucessão do prefeito Juraci Martins (PPS) também é marcada pela disputa entre padrinhos políticos que atuam como cabos eleitorais de peso.

Quando bem avaliados pela população, eles podem transferir prestígio aos seus apadrinhados e, por isto, tornam-se cobiçados pelos candidatos. Se mal avaliados, obviamente, podem atrapalhar mais do que ajudar.

Em alta com o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff e tradicional liderança do agronegócio, o senador Ronaldo Caiado (DEM) é o principal garoto-propaganda do candidato do PMDB em Rio Verde, o médico Paulo do Vale.

O parlamentar, que indicou o empresário Chico do KGL (DEM) para a vice de Paulo do Vale, participou do lançamento da candidatura em Rio Verde e promete marcar presença nos eventos de campanha e também na propaganda eleitoral.

Força da máquina

Com a imagem desgastada devido principalmente ao caos na segurança pública e as más condições das rodovias estaduais na região, o governador Marconi Perillo (PSDB) não deverá subir ao palanque de nenhum candidato em Rio Verde.

O tucano, entretanto, aguardou o início do período eleitoral nos municípios para “ressuscitar” programas como o Renda Cidadã – engavetado desde o ano passado. No último dia 11, quando a campanha eleitoral foi oficialmente iniciada, o governo distribuiu escrituras e cheques reformas em bairros carentes de Rio Verde.

Embora dois parlamentares da base de Marconi tenham lançado candidatura a prefeito de Rio Verde, o deputado federal licenciado Heuler Cruvinel (PSD) tem se firmado como o nome apoiado pelo Palácio das Esmeraldas no município.

Rompido há poucos meses com a atual administração municipal, que preferiu bancar a candidatura do deputado estadual Lissauer Vieira (PSB), Heuler tem como vice a vereadora tucana Maria José.

Pupilo

Apesar de também pertencer à base de Marconi Perillo, aprovando os projetos do governo na Assembleia, o deputado estadual Lissauer Vieira faz uma campanha mais vinculada à defesa da administração municipal.

O principal cabo eleitoral de Lissauer é Juraci Martins, que aparece com ele em todo o material de campanha e caminhadas pelos bairros. Se por um lado o apoio da máquina, que tem mais de 2 mil servidores comissionados, garante estrutura para a disputa eleitoral, por outro os seguidos escândalos de corrupção e obras inacabadas da atual administração podem prejudicar a candidatura do pupilo de Juraci.

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Aviso legal: Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo apresentado neste site é protegido pelas leis de proteção aos direitos autorais e outros.